O Quarteto e... o Dueto

Estávamos em novembro de 2021 quando o nosso trio passou a quarteto...
Em cima, da esquerda para a direita, o Speedy e a Opala. Em baixo a Boneca e, no meio, o Patanisca recém chegado à família.

Em 2020, à semelhança da última publicação, falei do nosso, então, trio em publicações individuais. Seguindo a ordem daquelas publicações:

Opala

Está connosco desde fevereiro de 2015 e fez em agosto passado 10 anos. Da descrição que fiz dela aqui, destaco: A Opala é a personificação do carinho e da meiguice!
É muito curiosa e companheira. Adora estar na varanda a cuscar a vida dos vizinhos. Se eu estiver por casa as sestas são curtas ou até inexistentes, anda sempre atrás de mim ou à minha frente.
A idade já pesa e a nossa rainha quer muito mais mimos do que brincadeira. Continua a ser a minha sombra e com muita frequência exige que a siga: mia, mia (juro, que diz mamã). Regra geral termina na nossa cama para uma sessão de mimos.
À hora da refeição, salta para o meu colo e deita a cabeça no meu braço para pedir mimo e/ou comida. Quando está saciada vai embora ou, caso esteja carente, insiste em deitar a cabeça no meu braço e só para quando lhe faço mimos. Esta brincadeira também é para o Mô mas a ele coloca a pata no colo. Se eu estiver presente olha para mim e, em vez de saltar para o colo dele, salta para o meu. Juro que não faço nenhuma expressão facial nem digo nada. Apenas me escolhe a mim!
Aqui fica a expressão de quem quer um mimo, mesmo quando estou a tirar-lhe uma foto...

Speedy

Foi adotado em agosto de 2015 e está com pouco mais de 8 anos e meio. Quando o apresentei aqui, além de outras peripécias, contei esta: O Speedy é um gatinho cheio de energia. Corre desenfreadamente pela casa toda. Sobe e desce escadas em alta velocidade.
Não tem a mesma genica de outros tempos. No entanto está sempre pronto para brincar e fica paciente e elegantemente sentado junto ao brinquedo a aguardar que alguém brinque com ele.
Está cada vez mais mimalho. Quando chega a hora de irmos dormir espera-nos na nossa cama e dá início a uma sessão de "amassar pão" e pedir mimos.
Apesar de mimalho é, dos quatro, o que não gosta mesmo nada de colo. 
É o mais dorminhoco. Às vezes chego a casa ao final do dia e ele ainda está no mesmo canto do sofá ou da cama a dormir.
É assumidamente o macho da casa e não quer grandes "conversas" com os restantes membros do quarteto, mantendo sempre um ar sério e altivo...

Boneca

Foi adotada juntamente com o Speedy e, embora não sejam irmãos, têm a mesma idade, pouco mais de 8 anos e meio.
Há pessoas que não mudam e, neste caso, uma gata. Tudo o que escrevi sobre a Boneca aqui, não mudou nadinha! Destaco: É muito exigente e refilona! O prato da comida tem de estar sempre cheio... e lavado.
É definitivamente a dondoca cá de casa. Quando não está a dormir está a reclamar por mimos ou prato cheio e lavado.
Gosta muito de apanhar banhos de sol.
Muito vaidosa. Dos quatro é a que despende mais tempo a tratar do pelo...

Patanisca

Adotado em novembro de 2021, está com 2 anos e 2 meses.
Por ter sido apresentado tão recentemente, não haveria nada a acrescentar sobre o Patanisca em relação ao que foi dito aqui.
Mas sim, há. Cerca de uma semana depois o nosso gentleman fez o favor de atirar com a minha jarra para o meio do chão!! A jarra era maciça e pesada e, além de ficar inutilizável, fez um razoável estrago no chão de madeira!!
A expressão de quem acabou de fazer uma asneira, é precisamente esta...

Todos eles, sem exceção, gostam de me atazanar a vida quando estou envolvida nos meus trabalhos. Sentam-se onde não devem só para chamar a atenção e às vezes até surripiam fios e/ou partes do trabalho. Nesta foto temos o Speedy e a Opala com cara de anjos prontos a atacar o conteúdo da caixa...

O Quarteto recentemente e a minha sina, quando vou tomar banho...
Opala - Patanisca - Speedy
Boneca

... e, com alguma frequência, quando vamos dormir:
Patanisca, Speedy, Boneca e Opala

Esta publicação já vai longa mas não queria perder esta oportunidade para apresentar o nosso Dueto. Estas duas gatitas apareceram no nosso condomínio. A Bebé, em meados de 2017...

E a Jade, em meados de 2018...

Foram esterilizadas por nós e devolvidas à liberdade. Por cá ficaram. Andam pelo condomínio e arredores.
Têm livre acesso à nossa garagem, a comida, água e camas artesanais, que vou renovando com regularidade.
A Bebé é a típica gata silvestre. Para a capturar, para a esterilização, foi necessária a ajuda de profissionais e, até hoje, não permite que nos aproximemos muito.
A Jade é o oposto. Enrosca-se em nós e sobe para o nosso colo. Se fosse hoje teria vindo para dentro de casa.
Apesar de serem tão diferentes para com os humanos dão-se bem e andam sempre juntas...
 

Acresce que debaixo de uma das nossas varandas tem um abrigo, comida e água para todos os outros gatitos que por cá vão aparecendo. 

Termino fazendo referência à responsável por esta nossa história, a Bonita. Nunca será esquecida e ainda hoje tenho esperança no nosso reencontro!

Muitos ronrons e... Boas Ideias!

Comentários

  1. Olá. Gostei de conhecer os teus gatinhos! Nós também fomos adotados por uma gata que detesta colos e só agora aceita carinhos. Tem medo de estar dentro de casa e então dorme em cima de um edredão no telheiro. Agora já tem uma filhota igual ela, mas esta tolera colos de curta duração :) Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Bella!
      Há quem diga que os gatos não têm personalidade. Têm sim e são todos muito diferentes.
      Fiquei com a impressão que foste adotada por uma gata adulta de rua. Se assim foi, as atitudes dela são normais. Felizmente, não é arisca como a nossa Bebé, pois já vai tolerando os carinhos. Acredito que, com o tempo, vai acabar por se render aos confortos de uma casa com direito a colos e muitos carinhos.
      E a filhota? Dorme com a mãe?
      Vai dando notícias sobre as tuas meninas...
      Beijinhos

      Eliminar
  2. Uma descrição perfeita dos nossos gatinhos. Já fazem parte da família! Parabéns Mô 😘

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Deu trabalho, mas ficamos com o registo de todos.
      Daqui por uns tempos volto a atualizar...😘

      Eliminar
  3. Lindos esses gatinhos.

    Boa semana!

    O JOVEM JORNALISTA está no ar cheio de posts novos e novidades! Não deixe de conferir!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderEliminar
  4. Muito lindo os gatinhos, essa é uma casa feliz com certeza. Abraços

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Márcia!
      Aqui não faltam miados e ronrons!
      Beijinhos

      Eliminar

Enviar um comentário

Obrigada pela visita.
A sua crítica e/ou elogio serão sempre alvo de uma resposta minha (nem que seja um simples "obrigada").
Não se acanhe: comente.
Para receber a resposta no seu e-mail, basta clicar no quadrado ao lado da expressão: "Notificar-me".
Espero que tenha gostado!
Volte sempre!
Liliana

Outras Ideias

Maquete "Sala de Aula"

Flor em Macramé (Nó Quadrado e Nó Festoné)

Tapete de Rolhas de Cortiça

Porta velas em Macramé "Coração"

Ramos de Flores, em Macramé