Bem Vindas (os)

Nos últimos anos tenho elaborado alguns trabalhos para os Filhotes. Ao revê-los achei que se justificava a criação de um Blogue para os expor/partilhar. Daí surgiu a ideia de dar uma nova vida a este cantinho.
O que pretendo é mostrar os trabalhos que já estão feitos, com reciclagem e não só, e outros que forem surgindo.
Ideias não faltam, jeito (acho que não tenho muito, mas sinto que ao longo do tempo as coisas vão saindo cada vez mais perfeitas) e o gosto pela coisa abunda por estes lados.
Sempre que possível, colocarei o "passo a passo" pois, acho que, só assim é que estou realmente e partilhar - dando a oportunidade, a quem me visita, de poder também fazer estes trabalhos.

Espero que apreciem a visita e... comentem (só assim poderei melhorar/corrigir).

Divirtam-se e
Boas Ideias!

quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Tapete de Trapilho (I)

Terminei o meu desafio! Finalmente!

Tapete de Trapilho

Valeu a pena todo o trabalho!

A Ideia:
Já por cá andava há muito tempo, só ainda não tinha encontrado a fórmula que mais me agradava. O meu lema "ter o menor custo possível" não era fácil de concretizar, pois todas as soluções que encontrava me obrigavam a adquirir este ou aquele material.
Um dia, deparei-me com esta solução, no blogue da Joana "Agulhas e Pincéis". Não segui a "receita" à risca, fiz as minhas adaptações. Por exemplo: como queria o tapete muito cheínho não usei nenhuma distância específica entre cada linha, fui cosendo, cosendo, ..., tudo muito juntinho. Apenas marquei/risquei o meio da base para saber onde fazer a divisão das cores. E, no final, resolvi dar os nós.

Materiais:
A base foi feita com os 3 pares de pernas que retirei das calças de ganga do Filhote aqui.
Os trapinhos (ou trapilhos, nunca sei muito bem como lhes chamar!) são o aproveitamento de roupas velhas (tshirts e calções de malha). Todos os anos faço separação da roupa que já não serve aos Filhotes - a que ainda está em condições de uso dou a quem necessita, a restante (com nódoas/manchas e já muito gastas) guardo, pois pode vir a fazer jeito. A roupa da Mamã e do Papá, regra geral, vai diretamente para o caixote da reciclagem.

O Destino:
Em nossa casa há muitas regras e uma delas é: ao entrar, o calçado da rua fica no primeiro/segundo degrau das escadas e daí para dentro usamos chinelos/pantufas (a exceção é para as visitas, claro!). Este "fofinho" tem lugar reservado no segundo degrau, que é o degrau dos Filhotes, daí a divisão das cores.

Características:
Dimensões: 1,05 * 0,30 
Da esquerda para a direita:
* 4 linhas de branco
* 71 linhas de rosa
* 8 linhas de branco
* 75 linhas de azul
* 4 linhas de branco
Cada linha começa e termina com 4 trapinhos brancos e tem ao todo 27 trapinhos.

No passo a passo abaixo explico tudinho, desde o trapilho ao produto final:
Cronometrei a produção do tapete, ou seja, desde que comecei a coser até que terminei o último nó - foram cerca de 18 horas de trabalho:
* Tempo médio para coser uma linha: 3,5 minutos
* Tempo médio para dar os nós numa linha: 3 minutos

O trapilho, fui fazendo. Normalmente cortava uma ou duas peças de roupa enquanto esperava que a máquina da roupa terminasse, enquanto aguardava o almoço/jantar ficar pronto, ... Enfim não foi de empreitada e, como tal, não tenho a noção do tempo. Mas foram muitas, muitas tshirts e alguns calções. Neste ponto, e no que diz respeito às quantidades, a única referência que posso dar é que a meio do azul fiquei sem branco e nessa altura tive de fazer mais trapilho. Usei duas Tshirts do Mô para poder terminar o trabalho. Nas partes rosa e azul usei, essencialmente, roupas dos Filhotes (tamanhos bem mais pequenos - maior quantidade de peças).

Tenho material para fazer outro (para o primeiro degrau). Vamos ver se consigo fazê-lo ainda antes do Natal!

Espero que tenham gostado. Eu cá gostei muito!

Boa semana e... Boas Ideias!


Atualização

O segundo tapete também já está prontinho: "Tapete de Trapilho (II)"

16 comentários:

  1. É muito interessante o modo como você cortou a malha. Eu faço tudo em uma única tira mas acho que da tua maneira é mais fácil costurar. Gostei, vou tentar assim também para variar.
    Bj
    Joana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Joana,

      É mais fácil de coser (consegui perceber isso quando me surgiam tirinhas soltas).
      Mas, sinceramente, não sei se será mais rápido para cortar. Tenho a sensação que perdi muito tempo na parte do corte (também é certo que ainda tenho muito material que dará, à vontade, para o segundo tapete).

      Beijinhos,
      Liliana

      Eliminar
  2. Gostei muito mana/madrinha,está espectacular. Aceitas encomendas??...
    Beijinhos

    Iveta Mendes Vieira

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Mana/Afilhada,

      Para já não aceito, mas quem sabe num futuro próximo!?
      Até lá quero fazer pelo menos mais um destes, cá para casa. Depois... quem sabe...

      Beijinhos e... Parabéns aos pombinhos!
      Mana/Madrinha/Cunhada

      Eliminar
    2. Ah! E podes começar a guardar as tshirts velhas...

      Eliminar
  3. Sim senhora... Esta lindissimo e dá cá um, jeitasso....
    Se aceitares encomendas tambem me candidato.... A filhota ia adorar.
    Beijinhos fofinhos....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Maninha,

      É como já disse à nossa Mana:oO próximo será cá para casa, depois... quem sabe "ides corridas" a tapetes nos aniversários e natais.

      O recado para guardar as tshirts também é para ti. Espaço para guardar não me falta. Também aceito gangas.

      Beijinhos para todos, mas muito especialmente à Princesa!
      Mana/Tia/Cunhada

      Eliminar
  4. Olá Liliana! Como disse na resposta ao seu comentário lá no blog, só agora é que acompanhei com mais vagar todo o processo da elaboração do tapete. Muito bom!!! ...e que trabalho! Parabéns merecidíssimos!!!

    Como tinha esquecido de deixar um comentário, vim agora reparar essa falha, assim como agradecer as palavrinhas que deixa lá no meu blog. Muito obrigada!

    Um beijinho bem grande e aguardo o próximo :-)
    Helena

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Helena.

      Pelas visitas, pelas palavras e pela força que me transmite.
      É um gosto visitar o seu blogue e a página do face.

      Este tapete dá de facto trabalho. O segundo está quase, quase pronto. Foi mais rápido porque os "trapinhos" já estavam feitos.

      No fim de semana talvez já tenha novidades!

      Beijinhos.
      Liliana

      Eliminar
  5. Amei seu trabalho! Está de parabéns! Abraço fraterno!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Carla.

      Seja bem vinda e volte sempre!

      Beijinhos
      Liliana

      Eliminar
    2. Troquei-lhe o nome! Desculpe Clara, foi sem intenção.

      Liliana

      Eliminar
  6. adorei vou passar estas dicas p/ minha irmã que ama fazer estes tapetes.fadas artesa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá,

      Obrigada pela visita.
      Pode passar a ideia à vontade. Espero que a sua irmã goste.

      Volte sempre!

      Liliana

      Eliminar
  7. Bom dia Liliana,
    Adorei o video, não fazia a mínima ideia como se faziam esse tapetes .... Ficou muito lindooooooo...
    PARABÉNS pelo lindo blog!!!
    Beijinhosssssssssssssss e BOA semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Paula,

      Muito obrigada pelos elogios! Fiquei toda babada!!!

      Fui espreitar o seu blogue. A Paula também está de parabéns! E merece toda a minha admiração pelos trabalhos expostos. Eu não consigo fazer sequer uma linha reta, quanto mais uma pintura. Os seus trabalhos são lindíssimos!

      Beijinhos e... quase, quase bom fim de semana!
      Liliana

      Eliminar

Obrigada pela visita.
A sua crítica e/ou elogio serão sempre alvo de uma resposta minha (nem que seja um simples"obrigada").
Não se acanhe: comente.
Para receber a resposta no seu e-mail, basta clicar no quadrado ao lado da expressão: "Notificar-me".
Espero que tenha gostado!
Volte sempre.
Liliana

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...